Coração de Sião

Coração de Sião - Outubro de 2011

| Imprimir | PDF 

Queridos Associados, Amigos e Benfeitores de Sião

FIDELIDADE A ELE QUE É FIEL

Fidelidade, uma expressão com muito significado, porém, para muitos não tem sentido e nem valor.

Só encontramos sentido neste termo se os nossos olhos e coração, estiverem em Jesus Cristo!

Ele foi fiel aos planos do Pai, em nosso favor. Também nós precisamos, Nele e por Ele, sermos fiéis, para que o mundo creia que Ele é o Senhor que dá sentido a vida e ao modo de viver de cada ser humano. “Tende em vós os mesmos sentimentos que Cristo Jesus teve: Ele, subsistindo na condição de Deus, não pretendeu reter para si ser igual a Deus. Mas aniquilou-se a si mesmo, assumindo a condição de escravo, tornando-se solidário com os homens. E, apresentando-se como simples homem, humilhou-se, feito obediente até a morte, até a morte da cruz. Pelo que também Deus o exaltou e lhe deu o Nome que está sobre todo nome. Para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho de quantos há no céu, na terra, nos abismos. E toda língua proclame, para glória de Deus Pai, que Jesus Cristo é Senhor. (Fl 2, 5-11)

O nosso Papa em sua encíclica sobre o Amor Cristão nos diz: “a fidelidade ao homem exige a fidelidade à verdade, a única que é garantia de liberdade (cf. Jo 8, 32) e da possibilidade dum desenvolvimento humano integral”.

Então, não podemos perder de vista que a fidelidade é uma qualidade do fiel, e traz consigo a verdade, a liberdade, o amor, que encontram sentido no desenvolvimento humano integral.

O Senhor nos diz: “eu, o Senhor, amo o direito, odeio o roubo e o crime, sou fiel e lhes darei a recompensa, concluirei com eles uma aliança permanente” (cf. Is 61, 8) e ainda “verdadeira é a palavra: 'Pois se com Ele morremos também com Ele viveremos. Se com Ele sofremos, com Ele reinaremos. Se O negarmos, também Ele nos renegará. Se Lhe formos infiéis, Ele permanecerá fiel, pois não pode negar-se a si mesmo'”. (2 Tm 2, 12-13)

Deus desde sempre é fiel e em Jesus Cristo provou e nos deu o maior testemunho de sua fidelidade. Fidelidade gerada no seu amor por todos os homens. Por todos nós, eu e você.

E quanto ao tempo atual, “Acaso a fidelidade de Deus, se esgotou de todo, terminou sua promessa para as gerações?” (cf. Sl 77, 9). É evidente que não, pois “Ele permanecerá fiel, pois não pode negar-se a si mesmo”.

A crise de infidelidade está no homem, que não quer mais ser fiel a Deus e a tudo que Ele constituiu  a partir do seu amor e fidelidade por nós.

Em nossos tempos o homem não consegue nem mesmo manter a fidelidade a si mesmo, pois está sempre em busca de seus próprios interesses, que giram em torno do SER, do TER e do PODER, de forma contrária aos princípios Daquele que o criou.

Você, hoje quer encontrar o sentido para a tua vida?

Procure o padre, se confesse e volte a participar da Missa, pois o sentido da vida está Naquele que é fiel e lá está, te esperando para dar um sentido novo a tua vida!


INTENÇÕES DO MÊS

 

Temos sempre muitas intenções, porém precisamos estar mais atentos as que são do Coração de Jesus!

Precisamos com a fidelidade de verdadeiros cristãos, neste mês dedicado as missões e ao rosário, a exemplo dos diversos santos aos quais fazemos memória neste mês, anunciar a presença real de Cristo que transforma a vida daqueles que a Ele se confiam.

Coincidentemente neste ano, dia sete de outubro, primeira sexta-feira, dia consagrado ao Sagrado Coração de Jesus, comemoramos Nossa Senhora do Rosário, festa instituída pelo Papa Pio V em 1571, quando celebrou-se a vitória dos cristãos na batalha naval de Lepanto. Nesta batalha os cristãos católicos, em meio à recitação do Rosário, resistiram aos ataques dos turcos otomanos vencendo-os em combate.

Então vamos a partir de hoje, unidos ao Coração de Jesus e  recorrendo à intercessão de nossa Mãe, uma vez  que a celebração de hoje nos convida à meditação dos Mistérios de Cristo, os quais nos guiam à Encarnação, Vida, Paixão, Morte e Ressurreição do Filho de Deus, recitar o rosário. Para que assim possamos vencer, em nossas famílias e em nossos relacionamentos, as batalhas da infidelidade que geram o pecado, ofendem e ferem o Coração de Jesus!

Sagrado Coração de Jesus, eu espero e confio em Vós!  


 REZEMOS

Nossa Senhora do Rosário, dai a todos os cristãos a graça de compreender a grandiosidade da devoção do santo rosário, na qual, à recitação da Ave Maria se junta à profunda meditação dos santos mistérios da vida, morte e ressurreição de Jesus, vosso Filho e nosso Redentor.

Vós que vos dignastes aparecer ao valoroso São Domingos, entregando a ele, o Vosso rosário, dirijo-me a Vós, suplicando a Vossa benevolência para a minha alma que contrita se arrepende dos seus pecados.

Pelos sagrados Mistérios, encerrados no Vosso Rosário, sede minha protetora, dai-me a força de resistir às tentações e perseverar no caminho do bem a fim de um dia merecer contemplar-Vos o semblante puríssimo, na Corte celestial.

São Domingos, apóstolo do rosário, acompanhai-nos com a vossa bênção, na recitação do terço, para que, por meio desta devoção à Maria, cheguemos mais depressa a Jesus, e como na batalha de Lepanto, Nossa Senhora do Rosário nos leve a vitória em todas as lutas da vida; por seu Filho, Jesus Cristo, na unidade do Pai e do Espírito Santo. Amém.

Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a Vós.

    

Compartilhar

Coração de Sião - Setembro 2011

| Imprimir | PDF 

Queridos Associados, Amigos e Benfeitores de Sião

 

OS VERDADEIROS SEGUIDORES DE CRISTO

 

Quem são os verdadeiros seguidores de Jesus Cristo?

Os verdadeiros seguidores de Cristo, são os que entenderam que os “pensamentos de Deus não são os nossos pensamentos, e os nossos caminhos não são os de Deus. E que o céu é mais alto que a terra, tanto os caminhos de Deus estão acima dos nossos caminhos e os pensamentos de Deus  acima dos nossos pensamentos”. (cf. Is 55, 8-9).

A Igreja celebra no dia 29 de agosto o martírio de São João Batista. “Foi preso e acorrentado pelo rei Herodes que estava vivendo com Herodíades, mulher de seu irmão Filipe. João dizia a Herodes: 'Não te é permitido viver com a mulher de teu irmão.' Por isso, Herodíades tinha ódio de João e queria matá-lo. Já Herodes, respeitava João sabendo tratar-se de homem justo e santo, e o protegia. Ao ouvir João, sentia-se embaraçado, mesmo assim gostava de ouví-lo. No dia de seu aniversário, Herodes ofereceu um banquete. A filha de Herodíades entrou e se pôs a dançar, agradando ao rei e aos convidados. Herodes disse à moça: 'Pede-me o que quiseres e eu te darei'. E lhe jurou: 'Tudo que me pedires eu te darei, ainda que seja a metade de meu reino.' Ela saiu e foi perguntar à mãe: 'O que é que eu peço?' Esta lhe respondeu: 'A cabeça de João Batista'. Ela voltou apressadamente à presença do rei e fez o pedido: 'Quero que me dês agora mesmo, numa bandeja, a cabeça de João Batista'. O rei ficou triste, mas não quis deixar de atendê-la por causa do juramento e dos convidados. Sem tardar, mandou um carrasco com a ordem de trazer a cabeça de João. Ele foi e degolou João na cadeia. Depois trouxe a cabeça numa bandeja e a deu à moça, que a entregou à mãe”. (cf. Mc 6,14-28)

Observemos, porque João Batista foi morto (martirizado). Morreu pela verdade, pois a conhecia. Muitos hoje em dia para defenderem suas ideologias, que na maioria dos casos estão fundamentadas em seus interesses, usam o versículo “conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (Jo 8, 32). Mas o que é a verdade? É o próprio Jesus que responde: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida”. (cf. Jo 14,6).

Será que o adultério, e outras práticas que certas ideologias aprovam, estão de acordo com a vontade de Jesus? Se tais práticas são contrárias à verdade, estão contra Aquele que é a Verdade, Caminho e Vida.

Precisamos, pois, ter a coragem dos mártires, como João Batista, que perderam a vida pela Verdade, porque crêem que “quem procura a sua vida, há de perdê-la; e quem perde a sua vida por amor de mim, há de encontrá-la” (Mt 10, 39).

Examinemos nossas atitudes e vejamos se estamos agindo de acordo com a Verdade, de acordo com Jesus, ou se nos achamos os donos da verdade, e estamos agindo de acordo com os nossos interesses. 

De que lado estamos? A quem seguimos?  


INTENÇÕES DO MÊS

Rezemos para que os cristãos de todo mundo se unam em torno da verdade, da justiça e da paz.

Que tenhamos a coragem, de unidos a Cristo que sofreu por nós, lutar contra toda a mentira, que fere a justiça, a paz e é proclamada como verdade, a partir de ideologias utilizadas para oprimir, excluir, discriminar.

Rezemos também por aqueles que hoje sofrem com a miséria e a fome, em virtude do desinteresse daqueles que detém o poder.


PEÇAMOS AO SENHOR

1A ti, Senhor , elevo minha alma.

2 Em ti, meu Deus, confio: que eu não fique decepcionado, nem triunfem sobre mim os inimigos!

3 Na verdade, não ficam decepcionados os que em ti esperam, decepcionados ficarão os que traírem a fé por uma futilidade.

4Indica-me, Senhor , teus caminhos, revela-me tuas sendas!

5 Dirige-me no caminho da verdade e me ensina, porque tu és o Deus, meu salvador, e em ti espero, todos os dias.

6 Lembra-te, Senhor , que tua ternura e teus favores são eternos!

7 Não recordes os pecados de minha juventude nem minhas faltas! Lembra-te de mim segundo tua misericórdia, por causa de tua bondade, Senhor!

8 O Senhor  é bom e justo; por isso mostra o caminho aos pecadores, 9 encaminha os humildes segundo a justiça, ensina aos humildes o caminho.

10 Todas as sendas do Senhor  são amor e fidelidade para os que guardam sua aliança e suas leis.

11 Por causa de teu nome, Senhor , perdoa minha culpa, que é grave!

12 Há alguém que tema o Senhor? Ele lhe mostrará o caminho a escolher.

13 Sua alma descansará na prosperidade, e sua descendência possuirá a terra.

14 O Senhor  se faz íntimo dos que o temem e lhes dá a conhecer sua aliança.

15 Meus olhos estão sempre fixos no Senhor, pois ele livra da rede os meus pés.

16 Volta-te para mim e tem piedade, pois estou só e oprimido.

17 Os infortúnios tomaram conta de meu coração: tira-me das angústias!

18 Vê minha miséria e tribulação e perdoa-me todos os pecados!

19 Vê quantos são meus inimigos e como me odeiam com ódio violento!

20 Guarda minha alma e salva-me! Que eu não fique decepcionado por ter-me refugiado em ti!

21 A honradez e a retidão me sejam de valia, pois em ti ponho minha esperança.

22 Ó Deus, salva Israel de todas as tribulações!

Salmo 25, 1-22

Compartilhar

Coração de Sião - Agosto de 2011

| Imprimir | PDF 

Queridos Associados, Amigos e Benfeitores de Sião,


A JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE (JMJ) EM MADRI - ESPANHA

Neste mês de agosto acontecerá mais uma edição desta grande festa da juventude: a Jornada Mundial da Juventude!

Segundo o Subsídio JDJ - Jornada Diocesana da Juventude- Brasil -Setor juventude, nos anos 1983-1984, durante o Jubileu do Ano Santo da Redenção, em recordação dos 1950 anos da morte de Cristo, houve uma celebração dedicada à juventude na vigília do Domingo de Ramos em Roma. Mais de 300 mil jovens vindos de todas as partes do mundo participaram do Jubileu Internacional da Juventude. Nessa ocasião, o Papa João Paulo II presenteou os/as jovens com a “Cruz do Ano Santo”.

Em 1985, a Organização das Nações Unidas (ONU) proclamou o Ano Internacional da Juventude. A Igreja Católica organizou um novo encontro no Domingo de Ramos, contando com a participação de 350 mil jovens presentes na Praça São Pedro. Depois, o Papa João Paulo II instituiu as JMJ, com ocorrência anual, alternando entre celebrações diocesanas e mundiais, e armou convictamente: 'ninguém inventou essas jornadas (...) foram os/as próprios/as jovens que as criaram'”.

“A Jornada Mundial da Juventude foi uma iniciativa profética do Papa João Paulo II que rendeu frutos abundantes, permitindo às novas gerações cristãs encontrarem-se, entrarem em atitude de escuta da Palavra de Deus, de descobrir a beleza da Igreja e de viver experiências fortes de fé que levaram muitos à decisão de entregar-se totalmente a Cristo.”

(Mensagem do Papa Bento XVI para a Jornada Mundial da Juventude 2010)

            Desde então jovens do mundo inteiro se reúnem com o santo padre para celebrar a fé!

            Este ano a JMJ acontecerá na Espanha. A cidade de Madri sediará a parte central da jornada, e a pré-jornada, a semana anterior à jornada, acontecerá em diferentes cidades espanholas. Tais cidades acolherão os jovens, oferecendo além de hospedagem e alimentação, diversas atividades espirituais, culturais e sociais.

Nesta celebração mundial, os jovens recebem catequeses, têm oportunidade de participar da Santa Missa, de momentos de adoração, da Via Sacra, de shows, palestras, festas culturais, dentre tantas trocas de experiência. O santo Padre preside alguns momentos da Jornada inclusive a vigília, que encerra esta semana de bênçãos.

Karina Diniz Rodrigues


INTENÇÕES DO MÊS

 

            Rezemos pelos jovens que participarão desta grande celebração da fé!

Rezemos pelos 13 mil brasileiros inscritos (aproximadamente) na JMJ, especialmente pelos 108 jovens que representarão a diocese de Petrópolis e se unirão a mais de 1 milhão de jovens de todo o mundo!

Peçamos a Nosso Senhor Jesus que estes queridos filhos permitam que o tema desta Jornada se torne realidade em suas vidas, “Enraizados e edificados em Cristo, firmes na fé”. Que façam uma rica e intensa experiência de Igreja, apresentando o rosto de Cristo ao mundo, sobretudo aos jovens europeus.

Que Maria Santíssima os acompanhe nesta peregrinação ao encontro de seu filho Jesus, para que assim como ela, aprendam a realizar a vontade de Deus em suas vidas, dizendo com coragem “o SIM” que Ele deseja.

Que o beato João Paulo II, um dos patronos da JMJ, interceda por todos os jovens a fim de que um dia eles também mereçam contemplar a face de Cristo por terem sido testemunhas vivas de Nosso Senhor Jesus.

Beato João Paulo II, rogai por nós!


PEÇAMOS AO SENHOR!

 

Rezemos com um trecho do Hino da JMJ 2011: Firmes na fé, firmes na fé, caminhamos em Cristo nosso amigo, nosso Senhor. Glória sempre a Ele, glória sempre a Ele, caminhamos em Cristo firmes na fé. Glória sempre a Ele, glória sempre a Ele, caminhamos em Cristo firmes na fé.

1. Teu amor nos edifica e enraíza, tua cruz nos consolida e fortalece, tua carne nos redime e nos abrasa, teu sangue nos renova e purifica.

Ó Cristo nosso irmão, ó Cristo nosso amigo, nosso Senhor, faz-nos firmes em Ti, faz-nos firmes em Ti!

2. Tuas mãos acariciam nossas chagas, teus olhos purificam o olhar, teus lábios comunicam mil perdões, teus pés nos encaminham para a vida.

Ó Cristo nosso irmão, ó Cristo nosso amigo, nosso Senhor, faz-nos firmes em Ti, faz-nos firmes em Ti!

3. Teu alento é o Sopro do Alto, teu sorriso é sinal da tua graça, tuas chagas são amores bem acesos, tuas dores são o preço da minh'alma.

Ó Cristo nosso irmão, ó Cristo nosso amigo, nosso Senhor, faz-nos firmes em Ti, faz-nos firmes em Ti!

Compartilhar
Back to top

Copyright © Comunidade Sião 2017

Template by Joomla Templates & Szablony Joomla.