Lectio Divina - Ano B - 2017/2018

2° Domingo da Páscoa - ANO B - 08 de abril de 2018

| Imprimir | PDF 

TEXTO BÍBLICO - Evangelho de João 20, 19-31

Naquele mesmo domingo, à tarde, os discípulos de Jesus estavam reunidos de portas trancadas, com medo dos líderes judeus. Jesus chegou, e no meio deles disse: – Que a paz esteja com vocês! Mostrou suas mãos e o seu lado. Eles ficaram muito alegres ao verem o Senhor. Jesus disse de novo: – Que a paz esteja com vocês! Assim como o Pai me enviou, eu também envio vocês. Depois soprou sobre eles e disse: – Recebam o Espírito Santo. Se vocês perdoarem os pecados de alguém, esses pecados são perdoados; mas, se não perdoarem, eles não são perdoados. Tomé, um dos discípulos, que era chamado de o Gêmeo, não estava com eles quando Jesus chegou. Os outros discípulos disseram a Tomé: – Nós vimos o Senhor! Ele respondeu: – Se eu não vir o sinal dos pregos nas mãos dele, e não tocar ali com o meu dedo, e também se não puser a minha mão no lado dele, não vou crer! Uma semana depois, os discípulos de Jesus estavam outra vez reunidos, e Tomé estava com eles. Jesus chegou e disse: – Que a paz esteja com vocês! E disse a Tomé: – Veja as minhas mãos e ponha o seu dedo nelas. Estenda a mão e ponha no meu lado. Pare de duvidar e creia! Então Tomé exclamou: – Meu Senhor e meu Deus! – Você creu porque me viu? disse Jesus. - Felizes são os que não viram, mas assim mesmo creram!

Jesus fez muitos outros milagres que não estão neste livro. Estes foram escritos para que creiam que Jesus é o Messias, o Filho de Deus. E, crendo, tenham vida por meio dele.

1 – Leitura - O que diz o texto

      Onde estavam os discípulos e qual era seu sentimento?

      Que Jesus diz quando aparece para eles?Que sentiram os discípulos quando Jesus apareceu?

      Jesus os envia para quê?

      Qual a reação de Tomé quando os outros contam o que aconteceu?

      Quando Jesus aparece de novo o que ele diz a Tomé? O que Tomé responde?

      O que Jesus diz diante da resposta de Tomé?

O evangelista apresenta a aparição de Jesus, cumprindo assim a promessa de seu retorno. É hora de sua exaltação e glorificação. Os discípulos tinham medo dos judeus e por isso estavam fechados, mas Jesus ao aparecer, a primeira coisa que diz é desejar a paz.

Aquele que aparece como Ressuscitado é o mesmo que foi Crucificado? João relata: Jesus os mostrou suas mãos e seu lado. O que foi crucificado e sepultado, vencendo a morte, aparece como o primeiro chamado pelo Pai para a vida da Glória Eterna..

A alegria dos discípulos, se transforma em sinal do encontro com Jesus Ressuscitado Reconhecer que Ele está vivo, no meio deles terá como selo a alegria, a felicidade permanente.

O envio: Como o Pai me enviou, também eu os envio.A missão de Cristo é a mesma missão que terão seus seguidores. A recepção do Espírito Santo e depois, o perdão dos pecados, é a missão dos discípulos que se uniram a comunidade salvífica da Igreja.

Ainda que será em Pentecostes a grande manifestação do Espírito Santo, já o está adiantando Jesus ressuscitado, como um dom inefável.

Tomé não acredita nos discípulos, duvida da ressurreição. Jesus volta e chama Tomé para que veja, olhe suas mãos,seu lado e em vez de duvidar, deve crer. Tomé responde: "Meu Senhor e Meus Deus". E Jesus abençoa todos os demais crentes que virão depois.

Os milagres de Jesus estão escritos para que creiam que Ele é o Cristo. O mais importante é que Jesus segue presente no meio da Igreja e essa é a revelação para o mundo.

2 – M E D I T A Ç Ã O - O que me diz o texto? O que nos diz o texto?

·        Quais são os medos que tenho para viver como discípulo do Senhor? Tente fazer uma lista de teus medos para dizer aos demais que és cristão autêntico.

·        Creio que Jesus ressuscitou verdadeiramente? Tenho dúvidas de fé?

·        Como os programas dos meios de comunicação influenciam para fazer-nos crer que os relatos da ressurreição são apenas fantasia? Nossas comunidades se deixam levar por esses programas?

·        Que coisas em minha vida dificultam a felicidade verdadeira do encontro com Cristo?

·        Sinto-me enviado pelo Senhor, como enviou aos Apóstolos? Sou consciente deste envio?

3 - O R A Ç Ã O - O que digo a Deus ? O que dizemos a Deus?

Senhor, eu te peço a graça de entender os sinais de tua presença e ação em minha vida. Aceito que a Igreja por teus ministros e pessoas fiéis me ajudem a enxergar estes sinais. Senhor aumenta a minha fé... Cristo confirma em meu coração a certeza de teus gestos de amor todos os dias... Quero confiar sempre em ti. Como Tomé quero dizer e repetir: Meu Senhor e meu Deus !

4  -  C O N T E M P L A Ç Ã O  -  Como interiorizo a mensagem? Como interiorizamos a mensagem?

Imaginemos estar presente com os discípulos na sala onde Jesus apareceu ressuscitado... Olhemos para sua cabeça envolta não mais com a coroa de espinhos, mas com uma luz clara mostrando seu rosto alegre e feliz...

Dirijamos nosso olhar para suas mãos com a marca de suas chagas, já agora luminosas... Seus braços que nos abraçam com carinho... Ouçamos o que ele nos diz em particular, animando-nos com palavras carinhosas.. E o que diremos a Ele para responder a tanto amor...

5 - A Ç Ã O - Com o que me comprometo? Com o que nos comprometemos?

Propostas pessoais

·       Se eu creio que Jesus é meu Senhor, o Messias que veio salvar-me, que fazer para que os outros notem esta alegria? Propor uma ação concreta que demonstre minha alegria pascal.

·        Comprometer-se a voltar a fazer oração com este texto de nossa fé, e escrever as ideias principais em um caderno de oração.

Propostas Comunitárias

·       Com seu grupo, elaborar um cartaz onde expresse nossa alegria cristã.

·       Em grupo visitar doentes ou detentos ou anciãos ou pessoas necessitadas para conversar alegremente com eles de que somos testemunhas da Ressurreição do Senhor, e. que acreditamos que ele está presente em nossa vida em todas as ocasiões.

 


Fonte – Diocese de Petrópolis

Compartilhar
Back to top

Copyright © Comunidade Sião 2018

Template by Joomla Templates & Szablony Joomla.