Coração de Sião - Outubro de 2012

EU ESCOLHO A VIDA OU A MORTE?

        Neste mês quero fazer eco ao grande evento promovido pela Comunidade Católica Jesus Menino – “2º CANTO PELA VIDA

A frase colocada ao fundo do palco já é questionadora: Um país que aceita o aborto não está apto a ensinar os seus cidadãos a amar, mas a usar a violência para obter o que querem. É por isso que o maior destruidor do amor e da paz é o aborto”. (Madre Teresa de Calcutá)

O Evangelho de São Marcos nos apresenta Jesus com os discípulos: pegou uma criança, colocou-a no meio deles e, abraçando-a, disse-lhes: “Quem receber uma destas crianças em meu nome, é a mim que recebe; e quem me recebe, não é a mim que recebe, mas aquele que me enviou”. (cf. Mc 9, 36-37)

Passando para o Evangelho de São João, Jesus nos diz: “Quem me rejeita e não recebe minhas palavras, já tem quem o condene: a palavra que falei é que o condenará no último dia. Porque eu não falei por mim mesmo. O próprio Pai, que me enviou, é que me ordenou o que devo dizer e falar. Eu sei que seu mandamento é a vida eterna. Assim, pois, as coisas que falo, eu as falo conforme me disse o Pai”. (Jo 12, 48-50)

Quem rejeita uma criança, seja ela quem for, em toda e qualquer situação, REJEITA o próprio Cristo, e assim se está rejeitando e se condenando.

O que é o aborto? Uma rejeição. Está se rejeitando aquela criança que Jesus colocou no meio e disse “quem receber uma destas crianças em meu nome, é a mim que recebe” e depois “quem me rejeita e não recebe minhas palavras, já tem quem o condene: a palavra que falei é que o condenará no último dia”.

O aborto (do latim ab-ortus, privação do nascimento) é a interrupção da gravidez, que pode ocorrer de forma espontânea ou de forma voluntária. O grande problema é quando há a intervenção médica ou é provocada pela própria gestante, pela própria mãe. Neste caso é crime! É pecado grave!

É preciso entender que todos os envolvidos no aborto são criminosos, sim e estão em pecado grave (mortal)!

Neste período é importante ressaltar que um cristão NÃO PODE apoiar com seu voto, um candidato comprometido com o aborto ou filiado a um partido que obriga o candidato a este compromisso.

O Catecismo da Igreja Católica ensina sobre a cooperação com o pecado de outra pessoa: O pecado é um ato pessoal. Além disso, temos responsabilidade nos pecados cometidos por outros, quando neles cooperamos: participando neles direta e voluntariamente; mandando, aconselhando, louvando ou aprovando esses pecados; não os revelando ou não os impedindo, quando a isso somos obrigados; protegendo os que fazem o mal. (CIC 1868). Ora, quem vota de fato aprova, ou seja, contribui com seu voto para que possa ser praticado o que constitui um pecado grave.

 


INTENÇÕES DO MÊS

Neste mês vamos colocar como intenção principal a luta pela vida, pelo direito à vida, pela Comunidade Católica Jesus Menino e por todas as iniciativas em favor da vida, por aqueles que lutam contra o aborto. Também continuemos a rezar pelas eleições municipais, pela Jornada Mundial da Juventude, toda a sua preparação e organização.

A Comunidade Católica Jesus Menino, também denominada pelo seu fundador como casa de Nazaré, acolhe crianças com necessidades especiais, rejeitadas pela sociedade. Lá elas são muito amadas e cuidadas.

Peçamos a Deus que mais e mais pessoas possam abrir os seus corações e suas vidas para que não existam rejeitados em nossa sociedade, que aqueles que detêm o poder possam legislar pela vida e por aqueles que promovem a vida em sua totalidade.

Em nossas intenções, lembremos que cada um de nós tem responsabilidade pessoal em favor da vida, contra todo o princípio que não promova a vida.  

Sagrado Coração de Jesus, eu espero e confio em Vós!  


REZEMOS 

Rezemos juntos a oração a Nossa Senhora Protetora dos Nascituros:

"Maria levantou-se e foi às pressas para as montanhas de Judá" (Lc 1,39).

Senhora e Mãe nossa, é com santa angústia e zelo fraterno que nos dirigimos a ti, amiga e defensora de todas as crianças, nascidas e por nascer. 

Tu foste "às pressas" para santificar, por meio do teu Filho, Jesus, a uma criança que estava prestes a nascer no ventre de Isabel. Cuidaste de tudo, com carinho e desvelo de Mãe. 

Agora, queremos invocar-te como PROTETORA DOS NASCITUROS, muitos em perigo de serem assassinados, trucidados, antes de verem a luz do dia. É o maior escândalo, o pior crime contra a humanidade toda. O útero materno, querida Mãe, tornou-se o lugar mais inseguro e violento da terra. Tu bem o sabes e, certamente, choras como choraram as mães de Belém, na matança dos seus inocentes filhinhos (Mt 2,16-17). 

Vem, depressa, em socorro de todos os NASCITUROS, levando-lhes, com teu Jesus, a certeza e a garantia de VIDA, de sobrevivência digna, de acolhida num lar afetuoso e de merecida educação. Tu o podes fazer, porque levas Jesus contigo, e porque "para Deus nada é impossível" (Lc 1,37). 

Antecipadamente, ó Mãe e PROTETORA DOS NASCITUROS, te agradecemos este imenso favor: por Jesus Cristo, teu Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém! 

Jesus, manso e humilde de coração, fazei o nosso coração semelhante ao Vosso!

1 Pai Nosso; 1 Ave Maria; 1 Glória.

 

 

Compartilhar

| Imprimir | PDF 

Back to top

Copyright © Comunidade Sião 2020

Template by Joomla Templates & Szablony Joomla.